DOGFIGHT FECHA 2020 COM TRÊS DOUBLE IPAS

0
1545

Cerveja Dogfight encerra o ano com três rótulos de Double IPAs

A Cerveja Dogfight, de Ribeirão Preto (SP), se especializou em fazer IPAs poderosas, com alto teor de amargor (IBU). E todos os rótulos da linha são batizados em homenagem aos bravos soldados e guerreiros da história. A cervejaria encerra 2020 produzindo novos lotes fresquinhos de três de suas IPAs: Dogfight, Battlefront e Commandos, todos saindo dos tanques com receitas originais e com muita carga de lúpulo, no melhor estilo Old School.

Conheça os rótulos:

Dogfight é uma Imperial IPA, que leva o mesmo nome da cervejaria, uma verdadeira bomba de maltes ingleses e lúpulos americanos em um potente dry hopping que geram impressionantes 100 IBU e 8,1% de teor. Porém, ela consegue um ótimo equilíbrio entre o aroma, amargor, a citricidade e o frutado, resultando em uma cerveja de corpo médio, macia, que convida ao próximo gole, principalmente quando harmonizada com embutidos, grelhados e queijos fortes.

Battlefront celebra o pacto firmado pela Inglaterra, em 1942, chamado “Beer for Troops” de abastecer os soldados sedentos com cerveja de qualidade. Essa foi a inspiração para a Battlefront, o segundo rótulo da Dogfight, que chegou ao mercado como uma bomba ainda mais lupulada. Ela é uma West Coast Double IPA com muito Cascade no dry hopping, clara e frutada, com 7,8% de teor e 91 IBU. Perfeita para renovar os ânimos dos verdadeiros guerreiros.

Commandos é uma Double New England IPA que faz um massivo ataque de double dry hopping (DDH) dos lúpulos: Centennial, Ekuanot, Amarillo, Citra, Chinook, Cascade, Simcoe e Warrior. Esse terceiro rótulo da marca tem 8,6% de teor e 72 IBU, no limite do estilo double. Como é fácil de beber, ela vai invadindo o paladar com sua combinação explosiva.

“A cervejaria tem por objetivo produzir cervejas extremas, para bravos guerreiros. Até o nosso logo é um Spitfire, icônico avião inglês da Segunda Guerra Mundial que também levava barris para os soldados no front. Em 2020 a luta foi árdua, mas o jogo não está perdido. Aguardem porque em 2021 outras ‘ótimas bombas’ devem vir por aí”
Matheus Cardoso e Jaime Fabreti, “comandantes” da Dogfight

Esses ciganos da Dogfight não brincam mesmo em campo de batalha. Apuramos que o próximo alvo, logo no primeiro semestre de 2021, será uma Strong Scotch Ale ou uma Wee Heavy.

Enquanto isso os rótulos frescos da Dogfight estão disponíveis em latas de 473 ml e barris de chope descartáveis de 20l – sem pasteurização, para manter intactas as suas características mais extremas. Latas, barris, growlers e copos personalizados da marca também podem ser encontrados à venda na loja virtual: https://loja.dogfight.beer, com entrega em todo o Brasil.

SEM COMENTÁRIOS